Efe
Efe

Nicolas Oliveira avança para semi dos 200m em segundo

BARCELONA - O brasileiro Nicolas Oliveira se classificou nesta segunda-feira para as semifinais da prova dos 200 metros livre do Mundial de Esportes Aquáticos, que está sendo realizado em Barcelona, na Espanha. Ele avançou com o tempo de 1min46s99, o segundo melhor das eliminatórias. Assim, Nicolas só foi mais lento nas disputas classificatórias do que o britânico Robert Renwick, que marcou 1min46s88. A marca do brasileiro o deixou à frente, inclusive, do norte-americano Ryan Lochte, que avançou apenas na nona colocação, com 1min47s90. As semifinais dos 200 metros livre serão realizadas ainda nesta segunda, às 13 horas (de Brasília).

AE, Agência Estado

29 de julho de 2013 | 09h29

"Estou muito feliz. O Thiago é meu companheiro de quarto e vou botando uma pilha nele (sobre bater o recorde sul-americano de Thiago, 1m46s57). Estou brincando. Um passinho de cada vez. Meu objetivo era entrar. Não acabou ainda, mas estou feliz porque depois da Olimpíada passei por um processo muito difícil de tentar me reerguer."

Os outros brasileiros que competiram nesta manhã em Barcelona não tiveram sucesso e foram eliminados. Etiene Medeiros ficou apenas na 21ª colocação nos 100 metros costas, com 1min01s75. "Não consegui, mas estou feliz por ter conseguido encarar mais um Mundial, mais concentrada. No final ainda tentei esticar para chegar melhor, mas não deu. Agora é virar a página e esperar os 50 (costas)."

Leia Também

Rio 2016

Já Daniel Orzechowski também terminou em 21º lugar nos 100 metros costas, com 55s09. "Vendo minha passagem percebi que foi muito fraca, mas tenho que ver com o técnico o que deu errado. Vim preparado para as duas provas (50m e 100m costas), mas nos 50m realmente tenho mais chances".

Beatriz Travalon, em seu primeiro Mundial de Esportes Aquáticos, fez apenas o 39ºtempo nos 100 metros peito, mas garantiu que o nervosismo não atrapalhou. "Pensei que ficaria (nervosa), mas estava era com muita ansiedade. Meus primeiros 50m foram muito fracos, mas a experiência está válida e nos 50m posso me sair melhor", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.