Werther Santana/AE
Werther Santana/AE

No adeus, a força de um fenômeno

Entrevista de Ronaldo atrai mais de 300 jornalistas e corre o mundo. 'Perdi para o meu corpo'

Fábio Hecico, O Estado de S.Paulo

15 de fevereiro de 2011 | 00h00

SÃO PAULO - O último dia da carreira de Ronaldo como jogador profissional terminou como começou: com a imagem de um fenômeno do talento e do marketing. Desde o início, nos anos 90, já atraía público, imprensa, torcida, patrocinadores... Nesta segunda-feira, um dia depois de anunciar, com exclusividade, ao Estado a aposentadoria, dominou as atenções do meio esportivo no Brasil e no mundo.

Sua entrevista coletiva, no CT do Parque Ecológico, contou com a presença de mais de 300 jornalistas, entre eles estrangeiros. A CNN Internacional chegou a exibir flashes ao vivo do CT corintiano com as explicações do astro para deixar o futebol. Sites europeus e norte-americanos davam a notícia com grande destaque, referindo-se a Ronaldo como "um dos maiores jogadores de todos os tempos".

"Perdi para o meu corpo", declarou o atacante, que falou por 44 minutos, chorou bastante e lamentou as dores que vem sentindo. "Desde quinta-feira, quando decidi parar, parecia que estava na UTI, em estado terminal", prosseguiu. "O anúncio da aposentadoria é como se fosse minha primeira morte."

Em uma de suas primeiras frases, quis justificar o excesso de peso dos últimos anos. Disse que o hipotireoidismo é a principal causa pela má forma. Assumiu a culpa pela eliminação do Corinthians na Libertadores e contou que, a partir de agora, trabalhará como embaixador do clube - os contratos de patrocínio levados por ele ao Parque São Jorge não sofrerão alteração.

Felipão, seu técnico na principal conquista, a da Copa de 2002, o reverenciou. "Ele fez um belo gol, tomou a decisão certa."

Veja também:

linkDiretoria busca agora reconstruir o elenco

linkSem um reforço fenomenal, será difícil manter-se na mídia

linkMarketing no futuro profissional de Ronaldo

linkUm herói com caráter

linkFenômeno ainda está no coração da torcida holandesa

linkHipotireoidismo afeta desempenho de atletas

linkRonaldo culpa o hipotireoidismo pela aposentadoria

linkDilma diz que Ronaldo foi exemplo de superação

linkRivaldo e Ronaldinho lamentam aposentadoria de Ronaldo

linkRonaldo é apoiado por torcedores e comove o Corinthians

linkImprensa mundial exalta Ronaldo

especialOs principais números da carreira de Ronaldo

especialESPECIAL - A trajetória de Ronaldo

mais imagens GALERIA DE FOTOS - As imagens da carreira de Ronaldo

blog ARQUIVO O ESTADO DE S. PAULO - De garoto tímido a estrela mundial

blog ANTERO GRECO - Dores e decepção levam Ronaldo a antecipar a aposentadoria

blog MORELLI - Ronaldo sai de cena

forum ENQUETE - Ronaldo acerta ao encerrar a carreira?

video TV ESTADÃO - Relembre a entrevista de Ronaldo em 2009

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.