Alexandre Vidal/Flamengo
Alexandre Vidal/Flamengo

No Maracanã, Flamengo encara LDU para corrigir erros e avançar na Libertadores

Vitória nesta quarta-feira confirmará a classificação antecipada às oitavas de final da competição

Ricardo Magatti, O Estado de S.Paulo

19 de maio de 2021 | 06h46

Depois de perder os 100% de aproveitamento na Libertadores ao empatar com o Unión La Calera semana passada, o Flamengo encara a LDU nesta quarta-feira com o pensamento de não repetir os erros defensivos e confirmar a classificação antecipada às oitavas de final da competição continental. O jogo será às 21h, no Maracanã.

Líder do Grupo G com dez pontos, o Flamengo precisa de um simples empate para avançar de fase, já que a LDU, terceira colocada, soma quatro. Mas o time rubro-negro quer a vitória diante dos equatorianos pois também está de olho na liderança da chave. O Vélez Sarsfield, da Argentina, é o segundo colocado, com seis.

A ideia da equipe treinada por Rogério Ceni no confronto em casa é se impor no ataque como tem feito nesta temporada, mas não cometer de novo falhas defensivas que custaram triunfos, como na partida contra o Unión La Calera há uma semana, quando a equipe levou 2 a 0 depois de começar muito dispersa e desatenta e teve que suar para arrancar o empate no Chile.

O zagueiro Rodrigo Caio voltou a atuar no último sábado contra o Fluminense, no primeiro jogo da final do Campeonato Carioca, e será poupado do duelo desta terça, seguindo o planejamento feito pela comissão técnica, já que o atleta se recuperou de lesão na coxa direita recentemente.

Há cautela com a condição física do zagueiro, daí a preservação diante da LDU. A ideia é que ele esteja inteiro para o duelo contra o Fluminense que decidirá o campeão carioca no próximo sábado. Sem ele, Ceni tem Bruno Viana, Gustavo Henrique e Léo Pereira como opções para jogar ao lado de Willian Arão. É possível que outros jogadores também sejam poupados.

Se Rodrigo Caio não joga mais uma vez, Willian Arão está confirmado na zaga e vai completar 300 jogos pelo Flamengo. "Muito feliz por essa marca. Espero que a gente possa carimbar a classificação com uma vitória. Buscamos não só o primeiro lugar do grupo, mas também olhamos para ser o primeiro no geral para ter a oportunidade de decidir sempre em casa", disse o jogador, o mais longevo do elenco, que é meio-campista de origem mais tem atuado na zaga sob o comando de Rogério Ceni.

"Vai ser um jogo difícil, mas no Maracanã nossa força tem que prevalecer. Temos que nos manter focado do início ao fim e tentar controlar a partida os 90 minutos, fazendo um jogo seguro e poder sair com os três pontos e garantir a classificação", completou Arão.

O colombiano Cristian Martínez Borja, ex-jogador do Flamengo, é o artilheiro e grande aposta da LDU, que vive uma fase ruim e se, perder nesta terça e o Vélez ganhar do La Calera, será eliminada precocemente da Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.