No Rio, remo faz última seletiva

Começa nesta segunda-feira, no Rio, a última seletiva para os remadores que representarão o Brasil na regata Pré-Olímpica Latino-Americana de El Salvador, em maio, e na Pré-Olímpica Européia de Lucerna, na Suíça, em junho.A primeira avaliação do atletas ocorreu em novembro de 2003 e a segunda, no início do mês passado, quando o técnico do time, o argentino Ricardo Ibarra, começou a formar a tripulação dos barcos.Apesar de já revelar algumas de suas preferências, como os remadores Anderson Nocetti e Fabiana Beltrame para a categoria masculina e feminina, respectivamente, no barco Single Skiff, o técnico da seleção assegurou que as disputas ainda estão em aberto. Outros dois atletas com boas chances de formar uma dupla no Double Skiff são José Rodrigo, do Flamengo, e João Soares, do Martinelli-SC, ambos de 17 anos."Ninguém tem a vaga assegurada. Eles foram bem na primeira avaliação, mas ainda não estão garantidos", disse Ibarra, que testará os remadores até o dia 21. "Vai para o Pré-Olímpico quem mostrar que está em melhores condições." A disputa no Single Skiff feminino é uma das mais acirradas, principalmente porque Fabiana disputa a vaga com a paulista Mônica Aversa, de 32 anos, que participou das duas últimas edições dos Jogos Pan-Americanos, em Winnipeg, em 1999, e São Domingos, em 2003. Remadora do Club Atlético Paulistano, Mônica espera superar a adversária desta vez. "É claro que a gente quer chegar na frente sempre, mas de qualquer forma meu desempenho nas primeiras etapas foram bons", disse ela. "Fiz o que pude e procurei chegar sempre perto da primeira colocada."Além do Single Skiff, o técnico da seleção ainda escolherá remadores para o Double Skiff masculino e feminino peso-leve, que competirão em El Salvador. Já para a disputa européia, somente uma formação entre as categorias masculina do Four e Double Skiff ou Dois e Quatro Sem será escolhida.Um dos principais objetivos de Ibarra é o de escolher os atuais melhores remadores brasileiros, mesclando juventude com experiência. O treinador não escondeu o seu entusiasmo com os resultados já obtidos nas avaliações e fez previsões otimistas para o futuro. "Foi muito bom podermos constatar o surgimento de jovens remadores de boa técnica e preparo físico", afirmou Ibarra. "Este trabalho também está servindo para iniciarmos os preparativos para os Jogos Pan-Americanos de 2007, no Rio. Quero ganhar pelo menos três medalhas de ouro para o Brasil."

Agencia Estado,

14 de março de 2004 | 15h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.