Reuters/Divulgação
Reuters/Divulgação

Norueguês vence biatlo 15km no photo finish em Sochi

Após empate no cronômetro, recurso fotográfico é utilizado para definir vencedor

AE, Agência Estado

18 de fevereiro de 2014 | 17h05

SOCHI - No cronômetro oficial, eles empataram, mas o ouro na prova masculina de 15 quilômetros do biatlo teve um vencedor. Na base do photo finish, recurso que congela a imagem, foi definido que Emil Hegle Svedsen, da Noruega, venceu a disputa por poucos centímetros, superando Martin Fourcade, da França, que acabou com a prata. Svedsen e Fourcade travaram batalha equilibrada durante a prova, mas o norueguês chegou com cerca de uma passada de distância aos metros finais. Ele relaxou um pouco cedo demais e o francês esticou o esqui, ficando muito próximo de ganhar.

O bronze acabou com o checo Ondrej Moravec. Entre os últimos, apenas no 22.º lugar, completou Ole Einar Bjoerndalen, também da Noruega. Foi a quarta prova dele em Sochi e a terceira vez que ficou fora do pódio. Aos 40 anos, o biatleta tem só mais uma chance de se igualar ao compatriota Bjorn Dählie como maior da história dos Jogos Olímpicos de Inverno, com 12 medalhas. Em busca desse recorde, compete nesta quarta-feira no revezamento misto. Enquanto Bjoerndalen decepciona, a Noruega vai somando suas medalhas com outros atletas.

Nesta terça-feira, ganhou ouro e prata no combinado nórdico com Joergen Graabak e Magnus Hovdal Moan. O bronze ficou com Fabian Riessle, da Alemanha. Com duas medalhas bronzeadas nesta terça (a outra foi no slalom gigante feminino), a Alemanha viu ficar em risco a liderança no quadro de medalhas. Ainda com oito de ouro (15 no total), sente a aproximação da Noruega, que foi a sete com as duas ganhadas nesta terça. O país nórdico tem 18 no total e leva vantagem no número de prata e de bronzes.

Já a Holanda segue com seu desempenho incrível na patinação velocidade. Nesta terça-feira a prova foi masculina de 10.000km e novamente o pódio foi todo holandês. Assim, das 27 medalhas distribuídas em Sochi nesta modalidade, só nove não foram parar para atletas da Holanda, que tem um total de 20, sendo seis de ouro, no terceiro lugar do quadro de medalhas.

OUTROS RESULTADOS

O Canadá, por sua vez, segue com sua sina de medalhas de prata - são nove até agora. Nesta terça-feira vieram mais duas: no esqui estilo livre e na patinação em velocidade em pista curta. Nessas disputas, as vitórias foram, respectivamente, de David Wise, dos Estados Unidos, e do time da Coreia do Sul.

No swowboard, Pierre Vautier venceu a prova de cross country para a França, seguido de um russo e um norte-americano. No esqui alpino, deu Tina Maze, que ganhou a primeira medalha de ouro da Eslováquia. Assim, até aqui, 26 países foram ao pódio, sendo 19 com ouro. Pelo total de medalhas, EUA e Holanda estão empatados, com 20, seguidos de Rússia (19), Noruega (18), Canadá (17) e finalmente a Alemanha (15).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.