Novo presidente começa a trabalhar na sede do COI

Eleito presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI) há exatamente uma semana, durante congresso realizado em Buenos Aires, na Argentina, o alemão Thomas Bach começou a trabalhar nesta terça-feira na sede da entidade, em Lausanne, na Suíça.

AE-AP, Agência Estado

17 de setembro de 2013 | 15h05

Um ex-esgrimista de 59 anos, Bach foi um atleta de sucesso, tendo conquistado a medalha de ouro olímpica nos Jogos de Montreal, em 1976. Depois de 13 anos como vice-presidente do COI, ele foi eleito para suceder o belga Jacques Rogge no comando da entidade.

Antes de assumir a nova função, Bach deixou formalmente o cargo de presidente do Comitê Olímpico Alemão. E em seu primeiro dia na sede do COI, nesta terça-feira, ele passou a maior parte do tempo em reunião com a equipe de trabalho e com o seu antecessor Rogge.

Segundo o próprio Bach revelou, a conversa com Rogge foi para conhecer detalhes da administração do COI e também sobre os preparativos para os Jogos Olímpicos de Inverno, marcados para fevereiro, em Sochi. E, ao comentar sobre a mudança de presidente, o dirigente alemão disse que "pode ser um estilo diferente, mas não uma direção diferente".

Tudo o que sabemos sobre:
OlimpíadaCOIThomas Bach

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.