Nowitzki dá aula de basquete na vitória sobre o Oklahoma

Em atuação espetacular, ala/pivô marca 48 pontos no triunfo do Dallas por 121 a 112 no primeiro duelo da final do Oeste

Alan Villaverde, O Estado de S.Paulo

19 de maio de 2011 | 00h00

Na vitória do Dallas Mavericks por 121 a 112 sobre o Oklahoma City Thunder, no primeiro jogo das finais da Conferência Oeste da NBA, anteontem, em Dallas, o alemão Dirk Nowitzki tratou de dar uma lição gratuita a qualquer postulante a jogador de basquete, com boa movimentação, arremessos sob pressão, corta-luzes, bloqueios, jogo de transição e perfeição nos lances livres. Neste último item o ala/pivô de 32 anos quebrou o recorde de acertos consecutivos nos playoffs da NBA, com 24, deixando para trás a marca de Paul Pierce, do Boston Celtics, em 2003, de 21.

A clínica de basquete de Nowitzki, de 2,13 m e 11 kg, começou com 10 acertos em 11 arremessos, todos de dois pontos. "Eu acertei os primeiros arremessos e senti que estava bem, que poderia fazer mais." E o alemão fez muito mais. Foram 48 pontos, quatro bloqueios e uma incógnita à defesa do Thunder, que, mesmo fazendo tudo o que é possível, não conseguiu pará-lo. Nada menos do que seis jogadores tiveram a ingrata tarefa de marcá-lo durante o jogo, resultando no número exacerbado de faltas. "Nós não podemos nos desencorajar (com a atuação de Nowitzki). Ele fará pontos", disse o sucinto astro da equipe de Oklahoma, Kevin Durant.

O ala/pivô do Thunder, de apenas 22 anos, também se destacou no jogo, anotando nada menos do que 40 pontos, mas sua atuação não foi suficiente para parar a equipe de Dallas, que também contou com a força de seu banco de reservas - Jason Terry anotou 24 pontos e Jose Juan Barea 21 - para mostrar que é sim o favorito ao título da Conferência Oeste e, assim, voltar às finais da NBA depois de cinco anos. O segundo jogo da série será hoje, às 22 horas (de Brasília), com transmissão ao vivo da rádio Estadão ESPN e da ESPN.

Falta o título. [DE 2006][DE RESERVAS]Em 13 anos de carreira na NBA, todos em Dallas, Dirk Nowitzki mantém a média de 23 pontos - 47% de aproveitamento - e 8,4 rebotes por jogo. Ao todo foram 25.737 pontos anotados, além do prêmio de jogador mais valioso da liga em 2007, mas ainda falta o título, que quase foi conquistado na temporada 2005/06.

Com Dirk inspirado, a equipe de Dallas chegou a abrir 2 a 0 na final da NBA, mas perdeu por 4 a 2 para o Miami Heat de Dwyane Wade e Shaquille O"Neal. "Esse time é melhor que o outro[DE 2006]. Nosso banco [DE RESERVAS]é melhor e, se você analisar os principais times, todos possuem um monte de estrelas, o que dificulta bastante. Por isso nós estamos felizes por ainda lutar pelo título", disse o ala/pivô alemão, que ganha algo em torno de R$ 27,2 milhões por temporada.

De 2006 pra cá, Nowitzki passou por apuros em sua vida pessoal. Durante os playoffs da temporada 2009/2010, o jogador alemão contratou um detetive particular para investigar a vida de sua então namorada, Cristal Taylor, e descobriu que a mesma era procurada por fraude. O resultado disso foi a prisão dela, que, num acesso de desespero, chegou a dizer que estava grávida, o que não era verdade.

Depois de tal turbulência, ainda teve de enfrentar o pior percalço da carreira, quando machucou o tornozelo direito, ficando fora de 9 jogos da atual temporada. Médicos até sugeriam uma cirurgia, mas Nowitzki optou pela fisioterapia.

A decisão se mostrou acertada. Com segurança, liderou a equipe à terceira melhor campanha do Oeste, com 57 vitórias e 25 derrotas. Depois, eliminou o Portland Trail Blazers por 4 jogos a 2 na primeira rodada dos playoffs da Conferência Oeste e, no que se tornou o ponto de exclamação para o sucesso deste time, varreu o atual bicampeão, o Los Angeles Lakers, por 4 a 0. Ao que parece, Dirk e seus companheiros de Dallas estão prontos para o tal sonhado anel de campeão da NBA.

OS FEITOS DO ALEMÃO

24

lances livres acertou Nowitzki. Recorde nos playoffs

12 de 15

arremessos de quadra converteu o ala/pivô do Dallas

vez que o alemão marcou mais de 40 pontos em playoffs

25.737

pontos soma Dirk Nowitzki em 13 temporadas pelo Dallas. Ele tem média de 23 pontos e

8,4 rebotes por partida

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.