O Coritiba complica mais a vida do Flu

Paranaenses vencem por 3 a 1, no Rio, e empurram o rival para o fundo

RIO, O Estadao de S.Paulo

17 de agosto de 2009 | 00h00

O Fluminense deu novo vexame ontem: perdeu para o Coritiba, por 3 a 1, em pleno Maracanã, e encerrou o primeiro turno na zona de rebaixamento. É o penúltimo colocado, com apenas 15 pontos em 19 rodadas. E o pior: com poucas perspectivas de reação."O resultado foi muito ruim. Não estivemos num dia bom", disse o zagueiro Luiz Alberto, abatido, após a partida. "Não podíamos perder. Falhamos, não podíamos falhar", lamentou o atacante Kieza, autor do gol de honra do Fluminense. Já o Coritiba só tinha motivos para festejar. Na estreia do técnico Ney Franco jogou bem, venceu e deixou a zona de descenso. O meia Marcelinho Paraíba foi o melhor em campo, ao fazer dois gols. Marco Aurélio fez o outro. Ao longo da semana, Renato Gaúcho prometeu muita disposição no jogo de ontem. Titulares até foram poupados do clássico contra o Flamengo, na quarta, pela Sul-Americana, para se concentrarem no Brasileiro. De nada adiantou. A equipe demonstrou apatia, desorganização e um futebol de segunda categoria, enquanto sua torcida pedia, em vão, raça e aplicação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.