Orlando Silva reconhece fracasso da Timemania

O ministro do Esporte, Orlando Silva, reconheceu ontem que a arrecadação da Timemania (loteria criada para que os clubes de futebol equacionassem suas dívidas com o governo federal) ficou aquém do previsto. A Caixa Econômica Federal tinha feito uma previsão de receitas de R$ 520 milhões, mas a arrecadação representou um faturamento de só R$ 130 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.