Osasco está a uma vitória da final

O Finasa/Osasco segue firme na caminhada pela conquista do tricampeonato da Superliga Feminina de Vôlei. Neste domingo, a equipe paulista foi a Belo Horizonte e bateu o MRV/Minas por 3 a 0 (25/26, 25/19 e 25/22), abrindo 2 a 0 na série melhor-de-cinco da semifinal. Se vencer quarta-feira, em casa, o Osasco encerra a série e aguarda o vencedor entre Rexona Ades e Oi Campos.A equipe paulista, comandada por José Roberto Guimarães, não teve dificuldades para vencer as mineiras. "Gostei da forma como o time venceu, jogando com consistência e bom desempenho do sistema defensivo, principalmente a relação bloqueio-defesa", comentou Zé Roberto. "Claro que estou feliz pela vitória em três sets e pelo 2 a 0 na série, mas não está nada ganho ainda", completou.Com 13 pontos, a meio-de-rede Valeskinha foi eleita a melhor atleta da partida. "É muito legal ganhar o prêmio, mas não fico pensando nisso. Minha preocupação é ajudar o time a vencer, como aconteceu novamente", disse a jogadora.Para quarta-feira, Zé Roberto pede o mesmo ritmo forte de jogo: "Contra um time jovem como o do MRV, se houver espaço fica difícil segurar. Um descuido pode ser decisivo. Agora é continuar trabalhando para chegar a uma marca importante, que é a quarta final consecutiva da Superliga."A outra semifinal está empatada em 1 a 1. O Rexona Ades recebe quarta-feira o Oi Campos, único time que venceu o favorito ao título. A equipe de Bernardinho tem 33 vitórias e uma derrota na Superliga.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.