Osasco vence Rexona por 3 sets a 0

Jogando em Osasco, a Finasa derrotou nesta quinta-feira a Rexona/Ades, por 3 sets a 0, na terceira partida da semifinal em melhor-de-cinco da Superliga Feminina de Vôlei. As parciais foram de 25/18, 25/20, 25/18. Agora, o time de Osasco está na frente (2 a 1) e volta a jogar sábado, às 18h30, em Curitiba. "O importante é manter a concentração, porque já conhecemos muito bem a Rexona e vamos tirar proveito disso. Vamos tentar fechar a série lá", disse a levantadora Fernanda Venturini, de Osasco. "A Rexona é um time difícil. Ainda não ganhamos nada e vai ser muito difícil vencê-lo em Curitiba", completou José Roberto Guimarães, técnico de Osasco. Na outra semifinal, a MRV/Minas está a uma vitória da final. O time faz sábado a quarta partida contra a Blue Life/Pinheiros às 16 horas, em São Paulo. Na quarta-feira, o Minas desempatou a série, ao vencer a equipe paulista, por 3 sets a 0. "Não fizemos uma boa partida na quarta-feira. A equipe falhou muito.Mas ainda temos tempo para corrigir nossos erros e levar a decisão para quinta partida. Jogar em casa também vai ajudar bastante", disse Cláudio Pinheiro, técnico do Pinheiros. Superliga Masculina - Neste sábado será disputada a primeira partida da final em melhor-de-cinco, entre a gaúcha Ulbra/São Paulo e Unisul, de Florianópolis, às 20h30, em Canoas, no Rio Grande do Sul. A partida terá transmissão ao vivo do SporTV. As equipes farão a reedição da final do ano passado, quando a Ulbra levou a melhor. Na semifinal, Ulbra e Unisul fecharam suas séries em 3 a 0, sobre a Wizard/Suzano e Telemig/Minas, respectivamente. "Os times que chegaram à final são merecedores. No sábado uma vitória fora de casa será muito importante", disse Marcelo Fronckoviak, técnico da Ulbra. A segunda rodada será na quinta-feira, em Florianópolis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.