Oscar exalta entrosamento com Neymar na seleção

O meia disse que o Brasil melhorou depois que ambos se aproximaram mais diante da Bielorrússia

MATEUS SILVA ALVES, O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2012 | 06h04

O primeiro gol de Oscar na Olimpíada de Londres foi uma boa amostra do ótimo entrosamento entre ele e Neymar. O atacante arrancou com a bola, passou de calcanhar para o meia, que finalizou com categoria na saída do goleiro da Bielorrússia. Oscar, cada vez mais à vontade com a camisa dez da seleção, está seguro de que a parceria entre ele e Neymar vai fazer o Brasil ir muito longe no torneio olímpico.

"O adversário estava muito fechado, mas no segundo tempo melhoramos porque eu e o Neymar começamos a nos procurar mais", comentou Oscar. "Nós temos de jogar mais juntos porque assim a gente consegue sair da marcação com mais facilidade".

O que tem preocupado o meia é a dificuldade que a seleção tem mostrado nos cruzamentos altos para a sua área. Lembrando que os três gols que o Brasil levou na Olimpíada (dois do Egito e um da Bielorrússia) saíram em jogadas desse tipo, Oscar alertou que é preciso corrigir esse problema o quanto antes. "Acredito que nós precisamos melhorar um pouco a marcação nas jogadas aéreas, não podemos levar mais gols assim".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.