Overdose de substância utilizada em explosivos mata atleta

Fisiculturista, de 25 anos, utilizou quatro gramas de dinitrofenol, que é utilizado para a fabricação de explosivos

EFE

11 de março de 2008 | 23h24

Um fisiculturista, cujo nome não foi revelado, morreu na cidade alemã de Münster em conseqüência de uma overdose de dinitrofenol, substância que intensifica o crescimento muscular e ajuda na eliminação de gorduras.A morte foi informada nesta terça-feira pelo promotor de Münster, Wolfgang Schweer, que descartou a participação de uma outra pessoa na morte do fisiculturista, que tinha 25 anos. Schweer também contou que a Polícia descobriu que o fisiculturista tomou quatro gramas de dinitrofenol de uma só vez por causa das anotações de seu diário. A autópsia deverá comprovar se o fisiculturista também não tomou outros anabolizantes.O dinitrofenol é uma substância originalmente utilizada na fabricação de explosivos. Posteriormente, houve a descoberta de que podia contribuir para reduzir a quantidade de gorduras e potencializar o crescimento muscular.A presença de efeitos colaterais e uma morte nos Estados Unidos fez com que o dinitrofenol fosse proibido. No entanto, existe na Alemanha um mercado negro do produto que costuma funcionar pela internet.

Tudo o que sabemos sobre:
doping

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.