JB Neto/AE
JB Neto/AE

Pacotes para o Mundial são a melhor opção para corintianos

Falta de informações sobre ingressos obriga fãs que desejam ir ao Japão a buscar agências de viagens

VÍTOR MARQUES, O Estado de S.Paulo

11 de setembro de 2012 | 03h07

SÃO PAULO - As dificuldades e a falta de informação a respeito da venda de ingressos para o Mundial de Clubes obrigam o torcedor corintiano a recorrer às agências de viagens, uma delas oficial do clube e que garante ingresso aos jogos.

A outra maneira é comprar os bilhetes diretamente no site da Fifa - as vendas começaram no sábado à noite. Mas por causa da grande procura as vendas foram suspensas já no domingo.

A Fifa não informou quantos ingressos foram vendidos nem quando disponibilizaria um segundo lote.

O Corinthians afirma que não recebeu informação da Fifa quanto ao número de ingressos que terá direito nas duas partidas que disputará no Mundial em dezembro - a estreia, dia 12, e o segundo jogo (disputa de terceiro lugar ou na final), no dia 16.

A recomendação do clube é que o torcedor que ainda não tem ingresso, mas quer ir ao Japão por conta própria, aguarde nova venda no site da Fifa, modo seguro de adquirir ingresso.

A outra opção é viajar com a agência oficial, a Vai Corinthians, da CVC. Representante da empresa disse ao Estado que quem adquirir pacotes para o Japão terá direito de comprar ingressos para os dois jogos.

Os bilhetes são vendidos à parte, fora do plano. Por exemplo: pacote mais barato hoje custa cerca de US$ 5.700 (R$ 11.500) e inclui transporte aéreo, hospedagem e traslados.

A agência disse que vendeu 1.400 pacotes antecipadamente e espera chegar a 3 mil. Além disso, a empresa garante ter ingressos garantidos para atender até 4 mil pacotes.

A Stella Barros, outra agência que também oferece pacotes de viagem a torcedores, é parceira da Fifa. A agência também afirma que garante ingressos às pessoas que comprarem pacotes.

Em comum, nenhuma delas vende somente ingressos. É necessário comprar um pacote, para depois, adquirir ingressos separadamente.

O Corinthians afirma que a Fifa deve se pronunciar em breve sobre o número de ingressos que caberá ao clube. A entidade também deverá iniciar logo a venda de uma nova carga de bilhetes.

Dez mil no Japão A expectativa da diretoria do Corinthians ainda é levar ao Japão dez mil torcedores no total - os fãs que viajam pela agência oficial do clube ficarão agrupados no mesmo setor.

Esse número de dez mil pode aumentar um pouco por causa de torcedores corintianos que vivem no Japão - as vendas no site da Fifa continuam para quem mora no país asiático.

O Corinthians reforça para que torcedores não viajem ao Japão sem ingresso, para não serem obrigados a recorrer a cambistas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.