Palácio Gustavo Capanema será 'QG' dos Jogos do Rio

O governador do Rio, Sérgio Cabral, anunciou nesta sexta-feira que o Palácio Gustavo Capanema, no centro da cidade, vai abrigar o "QG" do Comitê Organizador da Olimpíada de 2016 e da Autoridade Pública Olímpica (APO), órgão responsável pelas obras de infraestrutura dos Jogos do Rio.

AE, Agencia Estado

29 de janeiro de 2010 | 20h29

"Essa escolha é mais uma prova de que a preocupação com o legado já começou, porque o Palácio Gustavo Capanema é lindíssimo, um prédio que estava ali, ocioso, com pouco uso. Foi uma decisão extraordinária para o Rio de Janeiro, um grande presente para a cidade", afirmou o governador.

Sérgio Cabral acrescentou que no Palácio Gustavo Capanema, construído em 1936, a Autoridade Pública Olímpica e o Comitê Organizador dos Jogos do Rio vão trabalhar juntos. "Isso é uma prova do que significa a integração. É mais uma prova de que estamos no caminho certo", disse o governador.

Tudo o que sabemos sobre:
OlimpíadaRioSérgio Cabral

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.