Palmeiras acerta com zagueiro até dezembro

Com medo de perder Danilo por suspensão, clube fechou com Leandro Amaro, que atuou pelo Botafogo-SP

Daniel Akstein Batista, O Estado de S.Paulo

28 de abril de 2010 | 00h00

Temendo uma pesada punição a Danilo, que foi denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva por ato de racismo e pela cusparada em Manoel, do Atlético-PR, o Palmeiras fechou ontem com o zagueiro Leandro Amaro, que pertence ao Cruzeiro, mas atuou no Campeonato Paulista pelo Botafogo, de Ribeirão Preto.

O contrato de empréstimo com o atleta de 23 anos será até dezembro, com opção de compra. Ele já foi inscrito na CBF, mas ainda não sabe se poderá atuar na Copa do Brasil - amanhã, o jogo é contra o Atlético-GO, no Palestra Itália. "Fizemos o pagamento (da inscrição) em dinheiro no horário certo, mas o sistema da CBF só vai acusar o pagamento amanhã (hoje)", explicou Sério do Prado, gerente administrativo. "Nosso departamento jurídico está trabalhando para que ele possa atuar na Copa do Brasil." As inscrições se encerraram ontem.

Como rescindiu com o Botafogo, aliás, o zagueiro está fora da decisão do Título do Interior, que será disputado no sábado - o São Caetano venceu o primeiro desafio por 1 a 0.

Na semana passada, o Palmeiras havia comunicado que Marcos Assunção seria o último reforço para a competição nacional. Mas, com a possível pena que Danilo vai receber - pode ficar parado por até 22 jogos -, a diretoria correu atrás de outro zagueiro e fechou rápido com Leandro. "Temos de trabalhar com todas as hipóteses. Se tivermos problemas com o Danilo, já temos outra opção no elenco", disse o diretor de futebol Genaro Marino. "O Leandro é um zagueiro ágil, foi a comissão técnica quem o indicou", falou.

DESFALQUE? O atacante Robert deve ficar de fora da partida de amanhã. O atleta sentiu dores na coxa direita na segunda-feira, não participou do treino de ontem e passará hoje por novos exames. Artilheiro do time no ano (14 gols), ele deve ser substituído por Ewerthon.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.