Palmeiras reassume a liderança

Com boa atuação do atacante Kleber, autor do único gol do jogo, equipe derrotou o Americana no Pacaembu

Marcon Beraldo, O Estado de S.Paulo

13 de fevereiro de 2011 | 00h00

O Palmeiras precisava da vitória para se reabilitar da derrota diante do Corinthians e também para voltar à liderança do Campeonato Paulista. E isso acabou acontecendo: prevaleceu a melhor defesa da competição e o time alviverde venceu por 1 a 0, gol do capitão Kleber, mais uma vez o destaque da equipe. Agora o Palmeiras soma 19 pontos, um a mais que o Santos.

Antes do jogo, o técnico Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, fazia elogios. Primeiro ao adversário: "Está fazendo um bom trabalho no Campeonato Paulista." E também ao palco do jogo: "O Pacaembu é um belo estádio."

Desde o começo do jogo, Felipão gritava muito com os jogadores do seu time, que não souberam tirar proveito da confusa marcação do Americana nos primeiros minutos. A equipe alviverde chegava fácil à entrada da área do adversário, mas finalizava mal. Márcio Araújo teve uma grande chance para abrir a contagem aos 9 minutos, mas chutou em cima do goleiro Jaílson.

O Palmeiras envolvia o adversário, mas apostava muito nas trombadas de Kleber, certo de que em um ou outro lance o juiz marcaria uma falta para a cobrança salvadora de Marcos Assunção. Só que nas duas cobranças à entrada da área o chute saiu para fora. A partir da metade do período, o Americana acertou a marcação no meio de campo e oPalmeiras não conseguiu mais ameaçar o gol de Jaílson.

Na volta do vestiário, Felipão foi reclamar do juiz. Para ele, Kleber estava sendo caçado pelos adversários. "Ele ficou me chamado de "ranheta". Estou cansando de ver essas coisas, principalmente contra o Kleber", esbravejou o treinador. "Quanto ao jogo está bom, gostei da movimentação do nosso time. O Americana é perigoso, está jogando no nosso erro", disse Felipão.

No segundo tempo, o Palmeiras começou atacando e teve uma boa chance com Kleber: o goleiro Jaílson fez uma difícil defesa. Mas aos 8 minutos não teve jeito: o Americana saiu jogando errado, Kleber recebeu o "presente" e chutou rasteiro no canto direito do goleiro: 1 a 0.

A partir daí o Palmeiras ficou mais tranquilo na partida, enquanto o adversário não mostrava capacidade de reação. O jogo seguiu "amarrado" até os minutos finais e só aconteceu um ou outro chute a gol, como o de Rivaldo, que obrigou o goleiro Jaílson a fazer uma boa defesa.

Outros jogos

Também ontem à noite, Linense 0 x 1 Grêmio Prudente e Botafogo 2 x 0 Santo André.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.