Palmeiras tem novo reforço: uma psicóloga

Antônio Carlos pediu e a diretoria atendeu: a psicóloga Melissa Voltarelli, que o treinador conheceu no São Caetano, foi contratada pelo Palmeiras.

, O Estado de S.Paulo

14 de abril de 2010 | 00h00

Os jogadores já faziam um trabalho esporádico com Regina Brandão e com Maria Cristina, responsável por atender os jovens da base. Agora, os profissionais vão ter contato diário com a nova psicóloga. Antônio Carlos percebeu algo que era evidente: o time não consegue se concentrar em campo e sofre com a pressão constante da torcida, nervosa pela falta de títulos. O técnico acredita que o trabalho psicológico com os atletas trará resultados positivos.

Em preparação para o jogo de amanhã contra o Atlético-PR, pela Copa do Brasil, no Palestra Itália, Antônio Carlos inovou e testou formação com Figueroa no meio, ao lado de Lincoln. O ataque teve Diego Souza e Robert. / DANIEL AKSTEIN BATISTA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.