Werther Santana/AE
Werther Santana/AE

Palmeiras vai enxugar elenco em 2013

Com 36 jogadores a disposição de Kleina, e mais quatro no departamento médico, a meta é chegar em 30 nomes

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

26 de setembro de 2012 | 03h27

SÃO PAULO - Enquanto aguarda uma reação do elenco no Brasileiro, comissão técnica e diretoria do Palmeiras não deixam de lado o planejamento para a disputa da Libertadores do ano que vem. Embora os planos tenham sido modificados com a saída de Felipão, não foram abandonados. Uma das primeiras missões de Gilson Kleina será reduzir o inchado elenco.

No total, Kleina tem a sua disposição 40 jogadores. No treino tático realizado ontem, por exemplo, 36 deles estavam em campo. Maikon Leite, Valdivia, Correa e Fernandinho foram as ausências, se recuperando de contusões.

O elevado número de jogadores atrapalha até no dia a dia. Para o ano que vem, a meta depende do que vai acontecer nesse ano. Se o time cair, será necessária uma nova reestruturação. Caso contrário, a ideia é ter no máximo 30 jogadores para 2013. O Palmeiras já tem alguns nomes certos que não vão ficar. Daniel Carvalho, Betinho e João Vitor são alguns deles. Jogadores pouco aproveitados como Patrik, Mazinho e Vinicius podem ser emprestados.

De reforços, o lateral-direito Ayrton, do Coritiba, já tem conversas avançadas. Jogadores de peso só serão procurados após a garantia de que o time não vai cair para a Série B.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasGilson Kleina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.