Pan: Governo Federal libera R$ 140 milhões para segurança

O governo federal baixou nesta quinta-feira uma Medida Provisória (MP) para liberar R$ 140 milhões para a segurança do Rio de Janeiro. O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, informou que o dinheiro faz parte de um programa de R$ 385 milhões que serão liberados num prazo de dois anos. Ele assegurou que a primeira parcela será liberada imediatamente. Segundo o ministro, "nunca" foi feito um investimento dessa proporção no Estado para investimentos em segurança pública. O governo deu como motivo para a liberação dos recursos a segurança dos jogos Pan-americanos de 2007. "Usamos como pretexto o Pan, como janela, mas na verdade é um investimento profundo e forte na segurança do Rio de Janeiro e que vai ficar depois que os jogos terminarem", afirmou. O dinheiro da primeira parcela será destinado à compra de equipamentos de inteligência e operacional (helicópteros, aviões). Uma outra parte dos recursos será usada na complementação do treinamento da Força Nacional de Segurança Pública. Outra parte será investida em ações de prevenção junto às comunidades. Cerca de 120 lideranças comunitárias estão sendo treinadas para evitarem conflitos em parceria com os órgãos de segurança. Ele destacou ainda que a liberação dos recursos para o Rio faz parte do trabalho de implantação do Plano Nacional de Segurança Federal, que prevê uma gestão integrada da segurança inclusive, num sistema único de segurança. Bastos classificou de "auspiciosa" a diminuição dos índices de criminalidade no Rio de Janeiro depois do início da operação do Exército de ocupação das favelas para busca de fuzis roubados. "Hoje, eu vi que alguns índices de criminalidade estão diminuindo. Isso é um fato auspicioso, mas é preciso continuar monitorando para ver o que acontece", disse ele. O ministro afirmou, no entanto, que só ao final da operação será possível avaliar os seus efeitos na segurança do Rio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.