Pan: Tribunal de Contas da União pressiona comitê por obras

O TCU - Tribunal de Contas da União - informou nesta sexta-feira que foi constatado atraso significativo nas obras das instalações e infra-estrutura para os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro/2007. O relatório de acompanhamento apontou que as obras dos complexos esportivos João Havelange, de Deodoro e da Vila Pan-Americana, onde os atletas ficarão alojados, estão com o cronograma de execução apertado, sem margem de tolerância para o início das competições. E as obras de reforma do Maracanãzinho simplesmente estão paralisadas, de acordo com informações do site do TCU. Para o ministro Marcos Vinicios Vilaça, relator do processo, a situação ainda não significa que as obras não serão concluídas a tempo, mas se o ritmo permanecer a organização será obrigada a adotar medidas emergenciais, o que aumentará o custo do empreendimento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.