Pandiani narra seu feito na Antártida

Foram 42 dias de aventura nas águas geladas no sul do continente sul-americano. Desse período, 82 horas foram inesquecíveis para o brasileiro Betão Pandiani e o sul-africano Duncan Ross, os primeiros velejadores do mundo a atravessar o temido Estreito de Drake ? entre o sul do Chile e a Antártida ? em um catamarã (veleiro sem cabine e com dois cascos). Ontem, em São Paulo, a dupla falou sobre a viagem, que começou no dia 29 de janeiro.?O projeto foi concebido há um ano e meio, quando eu tinha concluído a Rota Astral (outra expedição do velejador). Comecei a sonhar com o projeto e falei com o Duncan, um cara que conheço desde 1994?, conta Betão. Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.