Para César Maia, Rio venceu pela beleza

O prefeito do Rio, César Maia, usou uma famosa frase do poeta Vinícius de Moraes para comemorar a vitória da cidade na disputa com São Paulo para ser a candidata brasileira à sede dos Jogos Olímpicos de 2012: "As feias que me perdoem, mas beleza é fundamental." César Maia disse que não usou a frase em sua apresentação para não ser "indelicado" com os adversários, mas atribuiu às belezas naturais da cidade o grande diferencial que permitiu a escolha do Rio na eleição do Comitê Olímpico Brasileiro, realizada nesta segunda-feira.Mesmo assim, ele se surpreendeu com a vitória folgada - foram 23 votos contra 10, e uma abstenção. "O clima indicava que ganharíamos por sete votos. Foi uma surpresa grande", revelou César Maia.Para superar São Paulo, César Maia considerou que as lições com a fracassada candidatura do Rio aos Jogos de 2004 foram fundamentais - perdeu para Atenas, na Grécia. Recordou que à época, a cidade se colocou como a protagonista do evento, não dando ênfase ao esporte. Em segundo lugar, o prefeito lembrou que a falta de garantias financeiras também foi um fator negativo e terminou enumerando a ausência de realizações de eventos de grande porte no cenário esportivo. "Agora iremos ser a sede até de um Pan-Americano. Estamos mais preparados", afirmou César Maia. E ainda mandou um recado para as confederações brasileiras: "A partir de agora, quem quiser ser a sede de grandes eventos em sua modalidade, pode me procurar."Ainda neste mês, o prefeito vai tentar um encontro com o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, para disponibilizar recursos futuros a que a capital carioca tem direito para a cidade sozinha, se necessário, poder garantir financeiramente a realização da Olimpíada. O valor estimado é de US$ 1,6 bilhão.

Agencia Estado,

07 de julho de 2003 | 15h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.