Paraná empata com Paysandu e praticamente se livra da queda na Série B

Não era o resultado esperado, mas o empate por 1 a 1 com o Paysandu ficou de bom tamanho para o Paraná, que praticamente afastou qualquer risco de rebaixamento. A partida realizada na noite desta terça-feira foi válida pela 35.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B e aconteceu no Estádio da Curuzu.

Estadão Conteúdo

09 de novembro de 2016 | 00h07

Apenas cumprindo tabela nessa reta final, o Paysandu chegou aos 45 pontos e se manteve na 13.º colocação. Já o Paraná aparece em 15.º lugar, com 40, seis a mais que o Joinville, primeiro time da zona de rebaixamento. Entre os dois está o Oeste, que tem 37. Faltam apenas mais três rodadas para o fim da competição, ou seja, são nove pontos em disputa.

Precisando da vitória para afastar de vez qualquer risco de rebaixamento, o Paraná dominou o primeiro tempo na Curuzu. Logo aos dois minutos, Pablo salvou finalização de Fernando Karanga em cima da linha. Depois, Emerson se esticou todo para evitar o gol de Lucas Taylor. Mas aos 31 minutos não teve jeito. Karanga desceu em velocidade, passou pelo goleiro e chutou para o gol aberto.

Após um primeiro tempo muito ruim, o Paysandu voltou melhor do intervalo e criou pelo menos duas boas oportunidades antes de empatar aos 31, quando Raí cobrou falta com perfeição e deixou tudo igual. Nos minutos finais, os dois times valorizaram a posse de bola e se mostraram satisfeitos com a igualdade no placar.

O Paysandu volta a campo na sexta-feira, contra o CRB, às 20h30, no Rei Pelé, em Maceió (AL). Já o Paraná enfrenta o Criciúma no sábado, às 17h30, na Vila Capanema, em Curitiba (PR). Os jogos são válidos pela 36.ª rodada.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU 1 X 1 PARANÁ

PAYSANDU - Emerson; Roniery, Fernando Lombardi, Pablo e Lucas (Raí); Augusto Recife, Rodrigo Andrade (Celsinho), Cleyton (Leandro Cearense), Jhonnatan e Tiago Luis; Rivaldinho. Técnico: Dado Cavalcanti.

PARANÁ - Wendell; Lucas Taylor (Núbio Flávio), João Paulo, Pitty e Rafael Carioca; Anderson Uchôa, Jhony, Diego Tavares e Murilo Rangel (Yan Phillipe); Guilherme Queiroz (Zé Roberto) e Fernando Karanga. Técnico: Roberto Fernandes.

GOLS - Fernando Karanga, aos 31 minutos do primeiro tempo; Raí, aos 31 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Paulo Schleich Vollkopf (MS).

CARTÕES AMARELOS - Augusto Recife (Paysandu); Pitty e Fernando Karanga (Paraná).

RENDA - R$ 81.805,00.

PÚBLICO - 4.673 pagantes.

LOCAL - Estádio da Curuzu, em Belém (PA).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.