Paulista é única representante do Brasil nas finais do caratê

Valéria Kumizaki bate chilena e encara guatemalteca; Nelson Sardemberg perde semi para chileno

26 de julho de 2007 | 12h37

A brasileira Valéria Kumizaki vai lutar pela medalha de ouro na categoria até 53kg do caratê. Nas semifinais desta quinta-feira, ela venceu a chilena Jesse Heyes por 4 a 1 e garantiu, pelo menos, uma medalha de prata para o Brasil.   Na decisão, às 16 horas no Complexo Esportivo de Deodoro, a carateca de Presidente Prudente tem pela frente a guatemalteca Cheili Conzalez,   Já o mineiro Nelson Sardemberg, que luta na categoria até 80 kg, foi eliminado da semifinal pelo chileno Diego Borquez por 5 a 4 e ficou com a medalha de bronze.   Na fase anterior, Caio Duprat, da categoria até 75 kg, venceu apenas uma de suas três lutas. Ele  empatou com Jorge Zaragoza, venceu o argentino Franco Icasati, mas perdeu para o dominicano Gustavo Dionísio. O resultado eliminou o carateca brasileiro da disputa por medalhas.   O Brasil já ganhou dois ouros na quarta-feira, com  Juarez Santos (acima de 80 kg) e Lucélia Ribeito (acima de 60 kg). Os brasileiros também levaram uma prata, com Carlos Lourenço (até 65 kg).     Matéria alterada às 15h20.

Tudo o que sabemos sobre:
CaratêPan 2007

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.