Fabian Bimmer/AP
Fabian Bimmer/AP

Pelé mira medalha de ouro em possível nos Jogos Olímpicos

'Talvez jogue no Rio de Janeiro em 2016', brincou o Rei do Futebol; decisão da sede acontece na sexta-feira

Karolos Grohmann, Reuters

30 de setembro de 2009 | 10h56

O tricampeão mundial Pelé nunca teve a chance de disputar uma Olimpíada, mas o ex-atleta de 68 anos acredita que ainda pode ajudar o Rio de Janeiro a sediar os Jogos de 2016.

Veja também:

blog BATE-PRONTO - Apoiar ou criticar o Rio?

linkPelé e Cielo ressaltam 'transformação' por Jogos 

linkLula fará apelo emocional no discurso de apoio

linkGovernador diz que Blatter já definiu voto no Rio

especialESPECIAL - Tudo sobre as cidades candidatas

especialRIO 2016 - Mais sobre a campanha pelos Jogos

Jogadores profissionais eram proibidos de participar das Olimpíadas quando Pelé jogava nas décadas de 1950, 1960 e 1970. Hoje as equipes podem ter jogadores profissionais de até 23 anos, com mais três jogadores acima dessa idade.

"Estou aqui e talvez eu jogue no Rio de Janeiro", brincou Pelé em entrevista coletiva organizada pela candidatura do Rio nesta quarta-feira, dois dias antes do Comitê Olímpico Internacional escolher a cidade sede.

"Todo mundo conhece minha vida. Venci muitos torneios e marquei mais de 1.000 gols, venci três Copas do Mundo mas não pude jogar uma Olimpíada. Algumas vezes ainda penso na medalha de ouro que não ganhei", afirmou. "Meu sonho sempre foi vencer uma Olimpíada".

O Rio concorre com Tóquio, Chicago e Madri na votação do COI a ser anunciada na sexta-feira em Copenhague. Pelé, eleito pelo COI como atleta do século, é um dos que apóiam a candidatura do Rio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.