Pequim 2008: pólo aquático masculino está fora das Olimpíadas

Seleção brasileira perde para a Rússia por 11 a 3 e não tem chances de classificação no pré-olímpico

Redação,

05 de março de 2008 | 20h28

O sonho terminou. Sem a força do oponente, a seleção masculino de pólo aquático perdeu para a Rússia por 11 a 3, nesta quarta-feira, no pré-olímpico de Oradea, na Romênia, e não tem mais chances de ir às Olimpíadas de Pequim. Com apenas uma vitória e três derrotas, o Brasil, caso vença a Eslováquia, no último compromisso de seu grupo, ficaria na quarta colocação, ou seja, fora da zona de classificação à próxima fase do pré-olímpico, que dá quatro vagas para Pequim.A liderança do Grupo A é da Grécia, que encara a Rússia para garantir vantagem e, automaticamente, sua vaga à Pequim, já que o vencedor de cada grupo é automaticamente classificado às semifinais, ou seja, fica com uma das vagas do pré-olímpico.A liderança do Grupo B pertence à seleção da Alemanha, que goleou o Irã por 18 a 2. A decisão de quem será o campeão do grupo acontece nesta quinta diante da Itália, que goleou o México por 25 a 4.

Tudo o que sabemos sobre:
Pólo aquáticoPequim 2008

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.