Eduardo Nicolau/AE
Eduardo Nicolau/AE

Pesquisa aponta preferência dos brasileiros em Jogos Olímpicos

Audiência, incentivo e tecnologia: pesquisa revela comportamento do brasileiro durante o evento

Denise Bonfim, O Estado de S.Paulo

27 de julho de 2012 | 12h49

SÃO PAULO - Alguns dos esportes que não fazem parte do dia dia do torcedor brasileiro ganham destaque com a chegada da Olimpíada. Natação, basquete e atletismo são três deles. O torcedor gosta, mas não está habituado a acompanhar com a mesma disposição e paixão do futebol. Pesquisa divulgada pela Octagon, empresa de consultoria e ativação de esportes e entretenimento, mostrara que nos Jogos Olímpicos de Londres, homens e mulheres têm gostos diferentes e travarão uma dura disputa em casa pelo controle remoto da tevê, tanto pela variedade de programação e quantidade de atletas brasileiros nas provas por medalhas quanto pelas divergências na escolha da modalidade.

A natação, uma das modalidades que pouco figuram no noticiário esportivo, se revelou de grande interesse por ambos os sexos. Em números, 31% dos homens responderam à pesquisa dizendo que assistirão às competições, deixando o esporte em 3.º lugar no ranking do público. Por outro lado, 43% da ala feminina assistirá a disputa brasileira por medalhas deste esporte.

Apesar de o Brasil ainda estar construindo sua tradição olímpica em esportes menos tradicionais, os grandes atletas brasileiros puxam a audiência. A medalha de prata na preferência masculina vai para a equipe brasileira de basquete, enquanto a primeira colocação permanece com a paixão nacional – o futebol, que aparece apenas como 3.ª opção para as mulheres. 55% delas definiram a ginástica como prioridade no interesse.

A pesquisa revela ainda que 38% dos entrevistados acompanharão os eventos ao vivo, durante todo o dia, e 27% gravarão os destaques pela TV.

Tabela Comparativa – os esportes mais atraentes para o público

Esporte     Homens     Mulheres

Futebol        65%           38%

Basquete      34%          21%

Natação       31%          43%

Atletismo      25%          28%

Ginástica      19%          55%

Ciclismo       18%          16%

Tênis            18%          14%

Boxe            17%          13%

Hipismo       10%          15%

Remo            7%           12%

INCENTIVO – Ainda segundo as pesquisas, a experiência dos jogos de Londres instigou o brasileiro a participar da próxima Olimpíada, no Rio de Janeiro, em 2016. O interesse varia da audiência à participação. 93% dos fãs do evento estão interessados em assistir as cerimônias de abertura, 82% as cerimônias de encerramento. Já 62% da população gostaria de participar da Vila dos Patrocinadores, 60% de ser voluntário. Por fim, 59% dos entrevistados gostaria de fazer parte do tradicional revezamento da tocha olímpica.

TECNOLOGIA – A internet será uma grande aliada dos expectadores brasileiros. Quase metade dos entrevistados – 46%, afirmaram que utilizarão a ferramenta para se atualizar quanto as competições, complementando o conteúdo fornecido pela TV. Homens estão mais propensos a utilizar esse recurso.

61% da população planeja usar a internet para acessar dados das competições, 30% utilizarão a internet do celular para essa busca. 30% dos entrevistados planejam interagir com amigos via torpedo sms sobre os Jogos.

Ao todo, foram entrevistados online 400 brasileiros entre 16 e 54 anos.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.