Peterhansel é campeão nos carros sem vencer etapas

O piloto francês Stephane Peterhansel, que correu ao lado do navegador Jean-Paul Cottret, conquistou neste domingo pela terceira vez o título do Rally Dakar na categoria carros. A etapa do dia - 16 km cronometrados ao redor do Lago Rosa -, serviu somente para ratificar os resultados obtidos ao longo da competição. Apesar de ter chegado apenas na 51.ª posição na última prova, Peterhansel, que já havia ganho a competição em 2004 e 2005, ficou 7min26s à frente do segundo colocado, o compatriota Luc Alphand. O pódio foi todo da França, uma vez que o terceiro posto ficou com Jean-Louis Schlesser. Curiosamente, Peterhansel, recordista de títulos no deserto ao vencer nove vezes - seis nas motos e três nos carros -, não venceu nenhuma etapa nesta edição. Ele ficou sempre à frente graças ao desempenho regular - ele ficou quatro vezes em segundo colocado ao longo do rali. O ganhador da etapa deste domingo foi o sul-africano Giniel De Villiers, que fez o tempo de 7min42s, apenas dois segundos à frente do espanhol Carlos Sainz, que ganhou cinco etapas e terminou apenas na nona colocação na classificação geral. O terceiro posto do dia ficou com o norte-americano Robby Gordon. Já a dupla brasileira formada por Klever Kolberg e Eduardo Bampi completou com o 12.º melhor tempo do dia, repetindo o resultado da etapa de sábado. Eles ficaram em 57.º na classificação geral, 20 posições atrás do estreante Paulo Nobre, que correu ao lado do português Filipe Palmeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.