Phelps assina contrato para ajudar entidades carentes

Nadador norte-americano espera retribuir à sociedade através da venda de memorabilia

AE-AP, Agencia Estado

12 de setembro de 2008 | 13h17

O atleta mais bem-sucedido da história dos Jogos Olímpicos pretende usar o prestígio de suas conquistas para ajudar entidades beneficentes. O norte-americano Michael Phelps anunciou a assinatura de contrato de um ano com a empresa GSM (Grandstand Sports & Memorabilia), especializada na venda de souvenirs esportivos.Entre os itens comercializados pela empresa estarão fotos autografadas, toucas da equipe norte-americana de natação e pôsteres com a réplica da capa da revista Sports Illustrated, em que o nadador posa com as oito medalhas de ouro que ganhou em Pequim. O dinheiro recebido com as vendas será destinado a instituições de caridade."Estou honrado pelo fato de a GSM me ajudar nessa campanha de caridade, que deve se estender ao longo do país", afirmou o nadador, nesta sexta-feira. Os produtos que usam a imagem e assinatura de Phelps já estão à venda no site da GSM. As fotos autografadas têm preço mínimo de US$ 399 (cerca de R$ 730). Os pôsteres e toucas custam US$ 499 (R$ 910).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.