Kazuhiro Nogi/AFP
Kazuhiro Nogi/AFP

Piloto da MotoGP tem melhora, mas segue em estado crítico

Alex de Angelis está com hematoma cerebral

Estadão Conteúdo

12 de outubro de 2015 | 16h45

O piloto Alex de Angelis apresentou ligeira melhora nesta segunda-feira, de acordo com a organização da MotoGP. Ele segue em estado crítico, com um hematoma cerebral, mas já exibe evolução na contusão sofrida no pulmão e é capaz de falar no Dokkyo Hospital, onde está internado na cidade japonesa de Mibu.

O piloto de San Marino sofreu grave acidente no início do quarto treino livre da etapa do Japão de MotoGP, no Circuito de Motegi, no sábado. A organização da prova não deu detalhes sobre o choque e nem liberou o vídeo do acidente. Mas sabe-se que ele acertou o muro de proteção com violência na curva 9.

Ao ser atendido pelo corpo médico do circuito, o piloto da equipe E-Motion IodaRacing Team estava consciente e respirando. No entanto, suas condições pioraram ao longo do dia e ele teve constatada uma hemorragia intracraniana. Nesta segunda, a MotoGP informou que a hemorragia se tornou um hematoma.

Revelou também que a contusão no pulmão está praticamente curada. Apesar de ainda estar em situação crítica, De Angelis teve reduzida a sedação e já consegue falar e se "orientar no tempo e no espaço", segundo comunicado da MotoGP. De Angelis será submetido a novos exames, na cabeça e no pulmão, nas próximas 48 e 72 horas para avaliar a situação do hematoma cerebral e da contusão pulmonar.

Tudo o que sabemos sobre:
MotoGPAlex de Angelishemorragia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.