AFP
AFP

Pira olímpica ficará no centro do Rio durante os Jogos

O Comitê Organizador Rio-2016 não confirmou o localização, 'o lugar exato é um segredo'.

Estadão Conteúdo

20 de abril de 2016 | 15h43

Nem Maracanã, nem Engenhão. A pira olímpica vai ficar no centro do Rio durante os Jogos Olímpicos, em agosto. A revelação foi feita pelo diretor de comunicação do Comitê Organizador Rio-2016 em entrevista à agência de notícias The Associated Press e confirmada pela reportagem da Agência Estado.

"A pira passará do Maracanã para o centro, mas o lugar exato é um segredo. Pensamos muito antes de tomar essa decisão. É impossível ter duas piras, então é impossível ter o fogo olímpico em dois lugares", argumentou.

O Rio de Janeiro será a primeira sede dos Jogos com dois estádios olímpicos. O Maracanã vai receber as cerimônias de abertura e encerramento, mas as provas de atletismo, sempre organizadas no "estádio olímpico" dos Jogos, serão realizadas no Engenhão.

Assim, a pira olímpica será acendida durante a cerimônia de abertura, em 5 de agosto, e depois transportada até o centro. É possível que ela fique na região da Praça Mauá, ícone da reforma da região portuária, no projeto denominado "Porto Maravilha".

É na Praça Mauá que fica o Museu do Amanhã, construído pela prefeitura para ser novo grande atrativo turístico da cidade. Levar a pira para aquela região seria também uma forma de atrair os turistas para lá.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.