Robson Fernandjes/Estadão
Robson Fernandjes/Estadão

Pista em São Bernardo terá Centro de Alto Rendimento

Quatro competições do calendário oficial da CBAt estão marcadas para o novo estádio

Amanda Romanelli, O Estado de S. Paulo

15 de março de 2014 | 17h00

SÃO BERNARDO - A ida de Duda, seu técnico e companheiros de treino em São José do Rio Preto para São Bernardo do Campo foi promovida pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), em parceria com o clube do campeão mundial. Nos próximos meses, a CBAt pretende implantar na nova pista o Centro Nacional de Alto Rendimento - a entidade mantém centros regionais em Uberlândia, no Rio de Janeiro e em São Paulo. Segundo José Antonio Martins Fernandes, presidente da CBAt, um pedido de convênio com o Ministério do Esporte será realizado ainda neste ano. Se aprovado, vai auxiliar na implantação do centro até o fim de 2014.

Já nesta temporada, quatro competições do calendário oficial da CBAt estão marcadas para o novo estádio. A primeira delas será nos dias 5 e 6 de abril, com o Desafio de Revezamentos. Entretanto, o torneio, que servirá de preparação para os times que vão disputar o primeiro Mundial de Revezamento, pode ser antecipado para o dia da inauguração. Também estão previstos o Brasileiro Juvenil (11 a 13 de abril), a Copa Brasil de Provas Combinadas (25 a 27 de abril) e o Brasileiro de Corrida de Fundo (25 de abril).

São Bernardo recebeu recentemente a visita de representantes das federações alemã, italiana e francesa. Otaviano Caetano conta que o grupo da França ficou especialmente interessado na estrutura montada no ABC e aposta que, em um futuro próximo, atletas como Renaud Lavillenie, campeão olímpico e recordista mundial indoor do salto com vara, e Teddy Thamgo, campeão mundial e recordista mundial indoor do salto triplo, podem realizar campings de treinamento no piso azul de São Bernardo.

Tudo o que sabemos sobre:
AtletismoRio 2016Duda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.