Toby Melville/Reuters
Toby Melville/Reuters

Polícia prende suspeito por tuítes ofensivos a atleta britânico

Rapaz de 17 anos está sendo investigado após dizer que Tom Daley 'decepcionou seu pai', morto de câncer

Reuters

31 de julho de 2012 | 10h01

LONDRES - A polícia britânica prendeu um homem nesta terça-feira depois que tuítes ofensivos foram enviados ao saltador britânico Tom Daley, que não conseguiu obter uma medalha em seu primeiro evento na Olimpíada de Londres.

O garoto-propaganda dos Jogos e seu parceiro Pete Waterfield tinham uma chance de conquistar o primeiro ouro para o país-sede dos Jogos no evento sincronizado na plataforma de 10 metros na segunda-feira, mas erraram seu quarto salto e ficaram fora do pódio.

Daley, cujo pai, Robert, morreu de câncer no ano passado, repetiu um tuíte do usuário @Rileyy_69 para seus seguidores que dizia: "você decepcionou seu pai espero que saiba disso". O saltador respondeu: "Depois de dar tudo de mim... vejo idiotas me mandando isso". Mais tarde o usuário se desculpou.  "Um homem de 17 anos foi preso pela polícia de Dorset nas primeiras horas da manhã desta terça-feira em uma pousada na área de Weymouth sob a suspeita de comunicação mal intencionada", disse a polícia em um comunicado. "Ele está ajudando a polícia em suas investigações no momento."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.