Nicolas Aguilera/EFE
Nicolas Aguilera/EFE

Polonês se impõe no fim e leva segunda etapa dos quadris no Dacar

Rafal Sonik alcançou a vitória após longo trecho cronometrado e tirou a primeira posição do atual campeão, o chileno Ignacio Casale

Estadão/Vipcomm

05 de janeiro de 2015 | 19h06

Com uma arrancada impressionante na parte final da prova, o polonês Rafal Sonik venceu a segunda etapa do Rali Dacar 2015, nos quadriciclos. Após se manter no pelotão de frente durante o cansativo trecho cronometrado de 518 km desta segunda-feira (5), que saiu de Villa Carlos Paz rumo a San Juan, na Argentina, o piloto europeu terminou a especial com o tempo total de 6h49min24s e assumiu a liderança na classificação geral com 8h27min39s.

Quem perdeu terreno foi o atual campeão Ignacio Casale. O chileno, que saiu com a vitória no primeiro dia e que também liderou parte da especial de hoje, sofreu com a velocidade imposta pelo rival. Ele acabou em segundo, 3min33s de diferença para o ponteiro. "Foi a especial mais dura que já corri na vida. Eu pensei que iria parar. Acabou a minha água e fiquei desidratado. Sofri muito", conta Casale.

Mesmo após uma luxação no dedo polegar na etapa de abertura, o uruguaio Sergio Lafuente segue na prova. E melhor, continua competitivo. Ele completou o maior trecho cronometrado da 37ª edição do Dacar em terceiro lugar, mesma posição que ocupa na classificação geral.

Sem os irmãos Patronelli, responsáveis por quatro títulos na categoria – Marcos (2010 e 2013) e Alejandro (2011 e 2012) - , os argentinos viram dois pilotos alcançarem o top 5 e apimentarem as disputas. Sebastian Halpern e Gaston Gonzalez terminaram a especial em quarto e quinto, respectivamente, e tentam uma boa sequência para chegarem ao pódio no dia 17 de janeiro, quando a prova retorna a Buenos Aires (ARG).

SEGUNDA ETAPA - QUADRICICLOS
1º Rafal Sonik (POL) #251 (Yamaha) 6h49min24s
2º Ignacio Casale (CHI) #250 (Yamaha) +3min33s
3º Sergio Lafuente (URU) #252 (Yamaha) +4min14s
4º Sebastian Halpern (ARG) #255 (Yamaha) +9min06s
5º Gaston Gonzalez (ARG) #269 (Yamaha) +18min54s
44º André Suguita (BRA) #295 (Can-Am) +41min14s

SEGUNDA ETAPA APÓS DUAS ETAPAS - QUADRICICLOS
1º Rafal Sonik (POL) #251 (Yamaha) 8h27min39s
2º Ignacio Casale (CHI) #250 (Yamaha) +2min26s
3º Sergio Lafuente (URU) #252 (Yamaha) +4min30s
4º Sebastian Halpern (ARG) #255 (Yamaha) +13min39s
5º Mohammed Abu-issa (QAT) #253 (Honda) +21min18s
44º André Suguita (BRA) #295 (Can-Am) +41min14s

TERCEIRA ETAPA
Nesta terça-feira (6), os pilotos dos quadriciclos terão pela frente uma especial curta, de 220 km. No entanto, o deslocamento até Chilecito, na Argentina, será de 437 km, e mais uma vez exigirá o físico dos competidores.

Tudo o que sabemos sobre:
Rali DacarRafal SonikIgnacio Casale

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.