Adam Nurkiewicz/AFP
Adam Nurkiewicz/AFP

Polonesa recordista no Rio melhora marca mundial no lançamento do martelo

Anita Wlodarczyk é a única mulher na história da modalidade a lançar acima dos 80 metros

O Estado de S.Paulo

28 de agosto de 2016 | 16h59

A polonesa Anita Wlodarczyk conseguiu melhorar o recorde mundial do lançamento de martelo neste domingo no meeting de atletismo de Varsóvia. Aos 31 anos, ela conseguiu lançar para 82,98 metros, conquistando a medalha de ouro e batendo, assim, a marca que ela mesma quebrou durante os Jogos Olímpicos Rio-2016.

Há apenas 13 dias, no estádio Engenhão, a lançadora polonesa alcançou a marca de 82,29m, que se tornou recorde olímpico e mundial da categoria naquela ocasião. A superioridade é tanta sobre as suas rivais que a segunda colocada na prova olímpica, a chinesa Wenxiu Zhang, conseguiu uma marca pouco mais de cinco metros mais curta.

A ascensão de Wlodarczyk se deu a partir de 2009, quando ela lançou para 77,96m, superando o recorde mundial de Tatyana Lysenko (RUS) de 77,80m, que durava desde 2006. Desde então, ela foi superada apenas uma vez na carreira, pela alemã Betty Heidler, que lançou para 79,42m.

O primeiro lançamento acima dos 80 metros da polonesa foi também em uma competição de atletismo no seu país natal, na cidade de Wladyslawowo. Na ocasião, ela pulou dos 79,58m lançados em Berlim em agosto de 2014 para 81,08m, este obtido um ano atrás.

"Este é o meu presente para o Tomasz Majewski, que encerrou aqui a sua carreira. É o meu melhor presente no mundo", afirmou, dedicando ao lançador de 34 anos que se aposentou. Nos Jogos do Rio, o bicampeão olímpico em Pequim-2008 e Londres-2012 ficou apenas na sexta colocação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.