Ponte pode perder 14 jogadores do acesso

A renovação de contrato do técnico Gilson Kleina ficou em segundo plano, ontem, na Ponte Preta. O gerente administrativo Jurandir Assis anunciou que, do time que conseguiu o acesso à Série A do Brasileiro, 14 jogadores vão sair, entre eles o goleiro Júlio Cesar, os laterais Fabinho, Murilo, Patric e João Paulo, o zagueiro Wellington, os volantes Paulinho e Mancuso, o meia Renatinho e os atacantes Tiago Luís, Ricardinho, Ricardo Jesus, Gigena e Soares. Renatinho, destaque do time, estaria indo para o Japão, e para manter o artilheiro Ricardo Jesus, o clube teria de pagar R$ 1,5 milhão ao CSKA Moscou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.