AO VIVO

Confira tudo sobre a Copa do Mundo da Rússia 24 horas por dia

Ponte Preta convoca torcida para derrotar o Santos e subir no Brasileirão

Clube terá venda promocional de ingressos e quer casa cheia

Estadão Conteúdo

31 Outubro 2016 | 18h15

Para voltar a vencer no Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta espera contar com o apoio de sua torcida, mesmo sabendo que vai ter pelo frente o Santos, que briga até pelo título. O confronto paulista vai acontecer neste sábado, a partir das 21 horas, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), pela 34.ª rodada.

Como a torcida pontepretana sempre atua como 12.º jogador, a diretoria já anunciou a venda promocional para as arquibancadas a R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). São cerca de cinco mil ingressos. No restante do estádio, inclusive para a torcida visitante, os valores também são convidativos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). A venda começará nesta quarta-feira.

"Nesta reta final do campeonato a torcida pode jogar junto com o time. E as promoções estão sendo feitas por todos os clubes, talvez entendendo a dificuldade do torcedor levar sua família aos estádios", justificou o vice-presidente Giovanni Dimarzio.

A Ponte Preta está há quatro rodadas na 10.ª posição. Com 45 pontos, não tem muitas chances de sonhar com uma vaga no G6, mas pretende aproveitar ao máximo os seus últimos cinco jogos. De momento, também tem a missão de buscar a reabilitação de duas derrotas sofridas fora de casa: 2 a 0 para o São Paulo, no estádio do Morumbi, na capital paulista; e 1 a 0 para o Sport, no Recife.

Após dois dias de folga, os jogadores voltaram aos treinamentos nesta segunda-feira. Em princípio, o time só deve ter uma mudança: a volta do centroavante Roger, que cumpriu suspensão automática. Ele entraria no lugar de William Pottker. Mas o técnico Eduardo Baptista ainda acha cedo falar sobre o time, mesmo porque ele pretende aproveitar a semana de trabalho para experimentar algumas variações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.