Popó pode voltar para os superpenas

O boxeador Acelino ?Popó? Freitas, de 28 anos, busca, na madrugada de domingo, em Connecticut, ganhar o cinturão mundial dos leves, versão Organização Mundial de Boxe (OMB), ao enfrentar o usbeque Artur Grigorian. Mas o pugilista brasileiro poderá decidir retornar à categoria dos superpenas, pela qual é campeão da OMB e da Associação Mundial de Boxe. ?Terei sessenta dias para decidir qual título irei manter?, disse o pugilista, que está em Connecticut desde sábado, após cinquenta dias de treinamentos em Palm Springs. ?Me sinto muito bem entre os leves, pois posso pesar 61 quilos, contra 58 dos superpenas?, disse Popó, que está invicto em 34 combates (soma 31 nocautes). ?Mas quero analisar meu desempenho diante de Grigorian para saber se estarei forte e rápido também entre os leves.? Popó não revela, mas outro motivo além do peso para subir entre os leves são as bolsas oferecidas. Entre os futuros adversários do lutador baiano estão o russo naturalizado australiano Kostya Tzyu e o norte-americano Floyd Mayweather. A TV Globo anuncia a transmissão do combate na madrugada de domingo. Preliminares - Outros três brasileiros estarão em ação no ringue do Foxwoods Resort?s Fox Theatre. O meio-pesado Laudelino Barros - 17 vitórias, 16 nocautes - defenderá o título latino diante de Danny Batchelder. O meio-médio Juliano Ramos - 12 vitórias, 11 nocautes - terá pela frente Antonio Ramirez, enquanto o peso pena Valdemir Pereira - 15 vitórias, 12 nocautes - enfrentará Rodgers Mitagwa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.