Popó rompe contrato com empresários

O campeão mundial dos superpenas, versão Organização Mundial de Boxe (OMB) Acelino Freitas, o Popó, quebrou o seu contrato com a Oficina de Idéias, empresa gerenciava sua carreira desde a época em que o lutador atuava no boxe amador. O rompimento teria sido causado pela insatisfação do lutador com seus ganhos. Popó e diretores da Oficina de Idéias não forma encontrados hoje na capital baiana para comentarem o desentendimento mas amigos do boxeador contaram que a partir de agora ele será empresariado pelo promotor mexicano Ricardo Maldonado Jr., que já gerenciava a carreira do baiano no Exterior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.