Popó treina informalmente nas férias

De férias na Bahia desde que unificou o título dos superpenas ao derrotar o cubano Joel Casamayor em janeiro, o pugilista Acelino Popó Freitas tem treinado informalmente com os irmãos pelo menos três vezes por semana na sua Academia Mão de Pedra. Além disso ,ele corre toda manhã, pratica squash e disputa "peladas" com os parentes e amigos às terças e quintas-feiras. Tranqüilo, Popó passeou nesta quinta-feira pelo Litoral Norte da Bahia, mas seu irmão Tony Freitas garantiu que o campeão está se cuidando. "Ele vem comendo de forma balanceada e se preocupa em manter o peso: até nos nossos ?babinhas? (como os baianos chamam as ?peladas?) Popó veste agasalho para poder perder mais peso", comentou Tony, explicando que, nesse período de férias, os dois treinadores não estão acompanhando o lutador. Conforme os assessores do campeão, Popó viaja para os Estados Unidos até o final de março para reiniciar seus treinamentos pesados visando a defesa do cinturão da Organização Mundial de Boxe (OMB), o que deve ocorrer em junho. Os boatos de que Popó abriria mão do seu título da OMB por não estar disposto a lutar com o desafiante nigeriano Daniel Atah não têm fundamentos. Os empresários dos dois lutadores continuam negociando as bolsas de cada um para o combate que deve ser realizado em Las Vegas. Pelado - A proposta da G-Magazine para que o campeão posasse nu causou um rebuliço na conservadora família do lutador. "Ele levou na brincadeira, mas a gente não perdeu a oportunidade de gozá-lo o tempo todo" contou o irmão Tony, explicando que o próprio Popó decidiu que não iria posar. "Popó é um atleta disciplinado, quer ser um exemplo para os jovens e aparecer nu em qualquer tipo de revista não pegaria bem pelo menos agora", disse.

Agencia Estado,

01 Março 2002 | 17h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.