Porto Rico fica à frente na 1.ª apresentação da ginástica

Atletas brasileiros competem no segundo grupo de países, a partir das 13h; os favoritos norte-americanos estão em 2.º

Glenda Carqueijo, do Jornal da Tarde

14 de julho de 2007 | 13h12

A apresentação do primeiro grupo de países na prova da ginástica artística por equipes terminou por volta das 12h30, com a seleção masculina de Porto Rico à frente no placar. Os atletas brasileiros competem no segundo grupo, às 13 horas.A seleção porto-riquenha, que já era apontada como promessa na ginástica, saiu na frente dos favoritos norte-americanos, com 353.900 pontos contra 353.300. Em terceiro lugar até agora está a Venezuela, com pontuação de 347.550.Para levar o ouro, o Brasil terá que superar os três resultados, sendo que a seleção de Cuba, que compete no seu grupo, também trará dificuldades.O técnico da seleção de Porto Rico, Jose Colon, era o mais animado da equipe. Ele, que está no comando do grupo desde o Pan de Winnipeg, em 1999, diz que a atenção de sua equipe se deve ao sacrifício. "Treinamos muito por uma medalha por equipe", afirmou o técnico ao lembrar que em Santo Domingo, em 2003, o país ficou na 5ª posição nesta prova. "Vencer os Estados Unidos é algo bastante grande para o nosso país." Colon sabe, porém, da força de Diego Hypólito e de toda a equipe brasileira, e prefere não cantar vitória antes da hora. "Hypólito é uma sensação, assim como Victor Rosa, que é um atleta mundial. Vamos aguardar o resultado", disse.Justin Spring, principal destaque da seleção norte-americana disse não estar abalado com o desempenho de seu país. "Já conhecíamos muito bem a equipe de Porto Rico e sabíamos que eram fortes e iriam brigar pelo pódio", explicou.Segundo ele, além de Porto Rico, ainda há preocupação com o Brasil, "que está emergindo". "Agora vamos ter que observá-los e aguardar o resultado", concluiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.