Portuguesa dá ultimato para ida de Guilherme

Time do Canindé espera nova proposta do Palmeiras só até hoje. Clubes divergem sobre valores e parcelas

DANIEL BATISTA, O Estado de S.Paulo

14 de agosto de 2012 | 03h05

A novela que envolve a negociação do volante Guilherme com o Palmeiras deve chegar ao fim hoje. Pelo menos essa foi a data estipulada pela Portuguesa para encerrar as negociações.

O entrave está no número de parcelas e no valor do pagamento. O Palmeiras oferece R$ 7 milhões para obter os 70% dos direitos econômicos do jogador. Os outros 30% pertencem ao seu empresário, Wagner Ribeiro. A Lusa pede R$ 8 milhões, mas até aceitaria receber R$ 7 milhões, desde que em menos parcelas do que o time alviverde ofereceu. O contrato seria de cinco anos.

A diferença das parcelas é o que mais atrapalha o desfecho do negócio. O jogador está irritado com a situação, pois pretende voltar a jogar, de preferência, fora da Portuguesa. A diretoria do time luso, irritada com o fato de o volante ter negociado anteriormente com o Corinthians, avisou que vai colocá-lo em campo se o acordo não for feito até hoje (assim, ele faria seu 7º jogo no torneio, inviabilizando o negócio de vez). O problema é que Guilherme não quer mais jogar no clube do Canindé.

Os dirigentes do Palmeiras mostram pessimismo com o negócio. "Não houve acerto ainda e acho que é muito difícil acontecer", disse Tirone, ao Estado. O gerente de futebol, César Sampaio, foi cauteloso. "Ainda estamos negociando. Não tem nada certo."

Um grupo de empresários mostrou interesse em comprar o atleta e repassá-lo ao Palmeiras, mas Sampaio, descartou a opção. "O ideal é que nós o contratemos por nós mesmos. Tivemos experiências anteriores com ofertas de empresários e não deu certo."

Paralelamente, o presidente da Lusa, Manuel da Lupa, tenta convencer o Palmeiras a voltar a jogar no Canindé. A diretoria palmeirense admite a possibilidade de deixar Barueri, como pede boa parte da torcida, e estuda a possibilidade de jogar no estádio da Portuguesa ou no Pacaembu.

Valdivia deve voltar. O meia Valdivia treinou com bola ontem e deve ser a grande atração do Palmeiras para enfrentar o Flamengo. A volta do chileno é aguardada pela torcida e pelos companheiros. Com ele, o Palmeiras tem um aproveitamento de 63,7% dos pontos. Sem ele, o número cai para 48,7%.

PALMEIRAS. DANIEL CARVALHO E MAIKON LEITE CONTINUAM FORA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.