José Patrício/AE - 26/07/2011
José Patrício/AE - 26/07/2011

Portuguesa deixa de ser 'Barcelusa' contra o Guarani

Técnico Jorginho exige que jogadores coloquem os 'pés no chão ' e rejeita apelido de 2011

O Estado de S.Paulo

08 de fevereiro de 2012 | 03h03

SÃO PAULO - O Guarani tenta hoje manter sua ascensão no Campeonato Paulista diante de um adversário perigoso: a Portuguesa. O time paulistano, que chegou ao torneio estadual após a excelente participação na Série B do Brasileiro de 2011, ainda não mostrou a que veio e precisa reagir na competição. Tanto que, diante da escassez de vitórias, o técnico Jorginho pediu para que o apelido de "Barcelusa", ganho no ano passado, seja deixado para trás.

O time de Campinas é o 5.º colocado e tem a segunda melhor campanha das equipes do interior no Paulistão - está atrás, apenas, do surpreendente Paulista, atual vice-líder do torneio. A partida será disputada no Estádio Brinco de Ouro, às 19h30.

Mas, enquanto o Guarani vem de uma sequência de três jogos sem perder, incluindo uma vitória sobre o São Caetano (1 a 0), fora de casa, na última rodada, e o empate com o líder São Paulo (1 a 1) no Morumbi, a Portuguesa patina. A equipe está apenas na 11.ª posição, com seis pontos conquistados. Até agora, em cinco partidas, a Portuguesa só conseguiu derrotar o Guaratinguetá, por 2 a 1, na 2.ª rodada.

"Não podemos mais viver de Barcelusa, essa fase já passou", disse o técnico Jorginho. "O Campeonato Paulista é totalmente diferente, como já pudemos perceber. Todo começo de competição é difícil e a própria campanha do título da Série B começou irregular. Quanto antes encontrarmos o time ideal, melhor."

A Lusa não terá o meia Ananias, lesionado. O atacante Ricardo Jesus, contratado para o lugar de Edno, foi oficialmente apresentado na segunda-feira e ainda não tem previsão de estreia.

Lanterna da competição, a Catanduvense - que ainda não venceu no torneio - recebe, em casa, a Ponte Preta, às 19h30. E o jejum de vitórias deve continuar. O Alvinegro de Campinas, apesar da derrota por 3 a 1 para o São Paulo no domingo, está bem no campeonato: ocupa a 6.ª posição, com 9 pontos e três vitórias em cinco partidas disputadas.

No mesmo horário, o Guaratinguetá (que, no 17.º lugar, está na primeira posição da zona de rebaixamento), enfrentará o Mirassol, 12.º.

A 6.ª rodada começa, porém, em Itu, às 17 horas, no Estádio Novelli Júnior. O Ituano, na boca da zona de descenso (é o 16.º, com quatro pontos), faz um confronto direto com o Bragantino, que está logo acima na tabela, na 15.ª colocação. O time de Bragança ganhou novo ânimo após o empate com o Corinthians.  

GUARANI X PORTUGUESA 

GUARANI - Emerson; Oziel, Neto, Domingos e Bruno Recife; Wellington Monteiro, Fabio Bahia, Danilo Sacramento e Fumagalli; Fabinho e Ronaldo. Técnico: Osvaldo Alvarez

PORTUGUESA - Weverton; Luis Ricardo, Renato, Rogério e Marcelo Cordeiro; Léo Silva, Guilherme, Boquita e Henrique; Vandinho e Rafael Oliveira. Técnico: Jorginho

Árbitro - Raphael Claus

Local - Estádio Brinco de Ouro da Princesa , em Campinas

Horário: 19h30

Transmissão - pay-per-view / Rádio Estadão ESPN

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.