Portuguesa quer mostrar que também é forte em casa

A Portuguesa recebe o Marília hoje, às 16 horas, em uma situação inusitada. Tem de provar que o fato de jogar no Canindé é fator positivo. Com pior retrospecto dentro de casa do que como visitante, a Lusa precisa ganhar hoje para ter vantagem no jogo decisivo contra o Santos, na próxima rodada. Com uma vitória no Canindé, jogará por um empate na Vila Belmiro para encaminhar a classificação às semifinais do Estadual, após 11 anos de espera.O técnico Paulo Bonamigo tem hoje o retorno do zagueiro Ediglê, que cumpriu suspensão no empate (2 a 2) com o Mirassol. Titular após a saída do técnico Mário Sérgio, ele foi um dos responsáveis pela sequência de quatro jogos do time sem levar gol. Na frente, a esperança de gols repousa sobre Edno e Christian.Também hoje, Ponte Preta e Guaratinguetá se enfrentam hoje, às 16 horas, no Moisés Lucarelli, em um jogo de poucas pretensões para os dois lados. Com remotas chances de rebaixamento e nenhuma possibilidade de classificação às semifinais neste Paulista, em nada lembram a campanha de 2008: a Ponte foi vice-campeã e o Guará chegou às semifinais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.