Portuguesa tem como meta entrar no G-8

Objetivo no Canindé é obter a terceira vitória seguida, para embalar de vez e alcançar a zona de classificação

O Estado de S.Paulo

22 de fevereiro de 2012 | 03h04

Um bom resultado esta noite, contra o Corinthians, vai representar para a Portuguesa a superação definitiva da má fase do início do Campeonato Paulista e, mais do que isso, colocar a equipe no G-8, o grupo de equipes que passam à próxima fase. A Lusa vem de duas vitórias seguidas e o astral dos jogadores e do técnico Jorginho mudou completamente nos últimos dias.

A confiança é tanta que no Canindé se fala com convicção na possibilidade de derrubar a invencibilidade do adversário neste Estadual. Alguns jogadores lembram que na primeira partida das duas equipes na temporada, num amistoso que reuniu os campeões das séries A e B do Brasileiro do ano passado, a Portuguesa levou a melhor: 1 a 0, no Pacaembu, mesmo local da partida desta noite.

As circunstâncias, agora, são diferentes, e o Corinthians está passando por um momento melhor, e mais sólido. Além disso, Jorginho vai ter de fazer várias alterações na equipe. Boquita e Renato não poderão jogar porque pertence ao time de Parque São Jorge. Marcelo Cordeiro e Rafael Oliveira, machucados, também são desfalque.

Jorginho, porém, não parece se abalar muito. Ele deve escalar Gustavo na defesa, no lugar de Renato e Guilherme volta ao meio campo para compensar a ausência de Boquita. Na lateral esquerda, com a ausência de Marcelo Cordeiro, é possível que Rai atue improvisado.

"O importante é o time manter a pegada, a força na marcação e chegar bem no ataque", disse o treinador. "Vai ser um jogo difícil, mas nosso time também pode dar trabalho. Depois desses dois jogos, conseguimos reparar alguns erros que vinham acontecendo. Claro que não jogamos o esperado, mas já conseguimos sentir uma evolução do time.''

A tendência é que ele escale apenas um atacante, Danilo, mas determinem aos meias que cheguem na área adversária sempre que possível.

O volante Guilherme, que chegou a ser pretendido pelo Corinthians no final da temporada passada, volta ao time da Portuguesa esta noite, depois de cumprir suspensão na partida em que a equipe venceu o XV de Piracicaba por 1 a 0.

"É bom voltar ao time, ainda mais depois de duas vitórias seguidas, o clima do elenco melhorou e agora é só pensar no jogo que pode dar ainda mais tranquilidade para nós'', disse Guilherme. "Nossa meta é vencer três jogos seguidos e entrar de vez no G-8. Temos totais condições de sair de campo com os três pontos na quarta-feira.''

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.