Powell cancela sua visita a Atenas

O secretário de Estado americano, ColinPowell, cancelou sua visita a Atenas prevista para este sábado - ele pretendia ficar para a cerimônia de encerramento dos XXVIII Jogos Olímpicos no domingo. Em comunicado dirigido esta manhã a seu homólogo grego, Petros Moliviatis, Powell afirma que "tem deveres que não podem seradiados" relacionados a Iraque e Sudão. Ainda, o Secretário americano felicita a Grécia "pelos Jogos bem-sucedidos e seguros". Apesar do cancelamento da visita de Powell a Atenas, o Partido Comunista da Grécia (KKE) realizará a manifestação de protesto contra a presença do americano no país, prevista paraculminar na embaixada dos EUA. Esta manhã (horário local), o KKE pendurou no muro da Acrópole de Atenas um enorme cartaz que dizia "Powell, killer, go home (Assassino, vá para casa)" em referência à invasão do Iraque. Ontem à noite, ativistas gregos contra a guerra realizarammarchas na capital, em Salônica e Patras (cidades olímpicas) emprotesto pela anunciada visita, e aconteceram alguns incidentes econfrontos com a polícia. Segundo fontes governamentas gregas, a visita de Powell a Atenas acontecerá na segunda semana de outubro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.