Antonio Calanni/AP
Antonio Calanni/AP

Pré-lista da Itália para Copa do Mundo tem Rômulo e Thiago Motta

Técnico italiano convoca brasileiros naturalizados e sete jogadores serão cortados até 2 de junho

Agência Estado

13 de maio de 2014 | 15h33

ROMA - O técnico Cesare Prandelli incluiu o volante Rômulo e o meia Thiago Motta, brasileiros naturalizados italianos, na pré-lista de 30 convocados da seleção europeia para a Copa do Mundo. A relação, divulgada nesta terça-feira, ainda sofrerá sete cortes até o dia 2 de junho.

Rômulo, de 26 anos, nunca disputou uma partida pela equipe italiana. Mas foi chamado para um período de testes com o grupo de Prandelli em abril. O volante, ex-Cruzeiro, atua no Hellas Verona por empréstimo, mas pertence à Fiorentina. Thiago Motta, por sua vez, já tem experiência com a Azurra.

O meia do Paris Saint-Germain defendeu a Itália na última Eurocopa e sonha com a chance no Mundial. A principal ausência da lista é Totti, já descartado por Prandelli recentemente. Sem o experiente jogador, o treinador apostará novamente no também veterano Pirlo, tricampeão italiano pela Juventus.

Na defesa, o técnico confirmou Giorgio Chiellini, que era dúvida por causa de uma suspensão no Campeonato Italiano. Punido com ganho de três jogos, pela Juventus, o defensor poderia sofrer sanção mais grave, o que causaria constrangimento diante da comissão técnica da seleção.

No ataque, Prandelli garantiu Giuseppe Rossi, que acabou de voltar aos gramados depois de ficar quatro meses afastado por conta de lesão. Rossi terá a companhia de Balotelli, um dos astros da equipe, Cassano, Cerci, Destro, Immobile e Insigne.

PRÉ-CONVOCADOS:

Goleiros: Buffon (Juventus), Perin (Genoa), Sirigu (Paris Saint-Germain);

Defensores: Abate (Milan), Barzagli (Juventus), Bonucci (Juventus), Chiellini (Juventus), Darmian (Torino), De Sciglio (Milan), Maggio (Napoli), Paletta (Parma), Pasqual (Fiorentina), Ranocchia (Inter de Milão);

Meio-campistas: Aquilani (Fiorentina), Candreva (Lazio), De Rossi (Roma), Marchisio (Juventus), Montolivo (Milan), Thiago Motta (Paris Saint-Germain), Parolo (Parma), Pirlo (Juventus), Romulo (Hellas Verona), Verratti (Paris Saint-Germain);

Atacantes: Balotelli (Milan), Cassano (Parma), Cerci (Torino), Destro (Roma), Immobile (Torino), Insigne (Napoli), Rossi (Fiorentina).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.