AO VIVO

Confira tudo sobre a Copa do Mundo da Rússia 24 horas por dia

Presidente da União dos Ciclistas declara guerra ao doping

O presidente da União Internacional dos Ciclistas (UCI), o irlandês Pat McQuaid, revelou nesta sexta-feira que a entidade começará uma cruzada para combater o doping em todos os cantos do planeta. Na quinta, o exame do norte-americano Floyd Landis, campeão da Volta da França, deu positivo pelo uso de testosterona, hormônio masculino. McQuaid ainda contou que o doping de Landis na França foi a pior coisa que poderia acontecer para o ciclismo. "É uma péssima notícia saber que o campeão da competição mais importante do mundo tenha usado testosterona. Mas, esses casos representam um número pequeno dentro da comunidade de ciclistas, por isso, temos de combater essa prática". Além do doping de Landis, no final de junho, vários ciclistas foram pegos pelas autoridades espanholas numa gigantesca rede de dopagem através de transfusão sanguínea - dentre eles estavam o alemão Jan Ullrich e o italiano Ivan Basso, que eram os favoritos para a Volta da França. Landis disse em entrevista que não se dopou e aguarda o resultado da contraprova. Se o resultado do segundo exame também der positivo, o norte-americano deve perder o título da Volta da França para o espanhol Oscar Pereiro, que foi o segundo colocado.

Agencia Estado,

28 Julho 2006 | 09h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.