Gerry Broome / AP
Gerry Broome / AP

Presidente dos Estados Unidos e primeiro-ministro do Canadá apostam na final de hóquei no gelo

Justin Trudeau lançou desafio que foi aceito por Joe Biden para o confronto entre Montreal Canadiens e Tampa Bay Lightning

AFP, O Estado de S.Paulo

29 de junho de 2021 | 12h25

A final da liga profissional norte-americana de hóquei no gelo (NHL), na qual competem o Montreal Canadiens e o Tampa Bay Lightning, despertou o entusiasmo dos líderes do Canadá e Estados Unidos.

Pouco antes do primeiro jogo da série melhor de sete, o primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, postou um tuíte para o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pedindo-lhe para apostar em quem levaria a Copa Stanley, o troféu do campeão da NHL.

"Duas das melhores equipes da NHL se enfrentam neste momento... que tal uma aposta amistosa, @POTUS?", escreveu Trudeau. 

Biden respondeu simplesmente: "Aceito, amigo. #GoBolts". POTUS é o acrônimo, em inglês, para presidente dos Estados Unidos. 

Nenhum dos dois disse quanto estavam dispostos a sacrificar, mas as chances podem estar do lado de Biden: a primeira partida na segunda-feira teve vitória do Tampa Bay Lightning sobre o Montreal Canadiens por 5 a 1.

Trudeau é conhecido como um fã de longa data da equipe de sua cidade natal, o Montreal Canadiens. 

O presidente dos Estados Unidos também é um amante do hóquei no gelo. Em 2010, disse à imprensa que apoiava "fervorosamente" o Philadelphia Flyers, de seu estado natal, a Pensilvânia. 

Montreal pretende se tornar a primeira equipe canadense a erguer a Copa Stanley, após 28 anos de seca no campeonato da NHL.

Tudo o que sabemos sobre:
Justin TrudeauJoe Bidenhóquei

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.